CD O SEGUINTE É ESSE

2005

O SEGUINTE É ESSE apresenta novas paisagens sonoras e experiências no universo da música corporal. O segundo CD    do grupo mostra o avanço na pesquisa da percussão corporal e da improvisação, para gerar novas composições e arranjos.   Nele está registrado o RG sonoro do Barbatuques, que desde o lançamento de “Corpo do Som” vem desenvolvendo e    evoluindo sua linguagem artística em palcos, oficinas e trocas diversas, como uma família musical.

Nos últimos anos, o grupo vem construindo linguagens e chegando a novas sonoridades e técnicas, tanto individual como coletiva.Referências como a percussão africana, música eletrônica, minimalismo, hip-hop, flamenco, dub, salsa entre tantas outras foram se somando à linguagem brasileira, esta já tão característica do grupo. A voz é mais explorada em seus aspectos melódico, harmônico, percussivo e fonético. E a prática da improvisação é sempre presente como fonte de inspiração.

O disco é resultado de um retiro musical e mais uma vez a participação de Stênio Mendes foi importante em sua criação. Temas como “Abduzidos”, “Vento”, “Bom s combina bem” são registros que refletem bem essas experiências.

A única fonte sonora não corporal é o berimbau de boca, pequeno instrumento que aparece sob diferentes nomes em regiões do Mediterrâneo e Ásia, inserido no disco com talento por Marcelo Pretto.

“Baianá”, “Carcará”, “Djengo” e “Cheiro Verde” são composições que resultaram da aproximação com sonoridades regionais e contemporâneas via corpo sonoro. O sapateado do coco, as palmas do flamenco, o beat box do hip hop, os harmônicos orientais de voz, a percussão vocal cubana e os sons fonéticos e corporais da África são provas de que a música corporal sempre esteve pelo mundo, fazem parte das raízes da humanidade e estão presentes também neste disco.

Faixas como “Du Bauru”, “Skarabush”, “Tudo Bem” e “Vento” apontam ainda os caminhos possíveis do diálogo da música corporal com outras estéticas: o orgânico com o tecnológico. São músicas que nasceram de improvisações, acrescidas de gravações e remodeladas para chegarmos à forma final.  Já “Faz Parte / Barbapapa´s Groove” é um registro de performance ao vivo, gravado em apresentação no V Mercado Cultural de Salvador (dez de 2003).

“Como resultado de todas essas vivências ampliamos nossa aquarela de timbres e pudemos fazer todo esse CD usando o corpo como instrumento musical. O Barbatuques prossegue nessa pesquisa da música orgânica e espontânea e depois de encontrar “O corpo do som”, justamente, “O seguinte é esse”.   Fernando Barba

OUÇA AQUI